VIDEOS JUDAICOS

Loading...

Prestigie a Mídia Judaica

BB Press, De Olho na Mídia, Dvarim, glorinhacohen.com, Hebraica, Hora Israelita, Jornal Alef, Le Haim, Morashá, Mosaico na TV, netjudaica.com, Nosso Jornal, Notícias da Rua Judaica, Pletz.com, Revista Israel, Revista 18, Revista Judaica, Shalom, Shalom Brasil, Tribuna Judaica, Tropicasher, TV Tova, Visão Judaica, www.chabad.org.br

09/11/1938 - Kristallnacht 70 anos

Loading...
Documentário inédito: Kristallnacht 70 anos (A Noite das Vidraças Quebradas). produzido pelo Departamento de Comunicação da FIERJ - Federação Israelita do Estado do Rio de Janeiro, fruto de dois anos de pesquisas de imagens e digitalização, reunindo um número sem precedentes de imagens dos dias 9, 10 e 11 de novembro de 1938, mais de10 minutos de fotos e filmes, pemitindo ter uma nova leitura sobre o que aconteceu com nossos irmãos na Alemanha, Áustria e Tchecoslováquia. Em geral tudo o que se encontra sobre a Kristallnacht se resume a uma ou outra foto bem "batida" e algumas linhas de texto e narração, como se fora um episódio menor na história da Shoá, (Holocausto) e não a marca trágica de seu início. Mas aqui, Você verá um grande número de sinagogas atacadas, agora identificadas por nome ou localização, além de imagens impressionantes de milhares de homens judeus presos no dia 10, e a inequívoca primeira página do New York Times do dia 11 mostrando a tragédia em Viena. Uma das nossas características como povo é não permitir o esquecimento.

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

4ª feira Uma das nossas características como povo é não permitir o esquecimento.

Moshe, com apenas 2 aninhos, viu seu mundo desmoronar, e ele não chora por sua bola, ela está sob sua mãosinha. Chora pela ausência de papai e mamãe, que nunca mais verá, chora pelo seu calor e carinho, que nunca mais terá. Chora porque viu homens máus retirando-os brutalmente de seu convivio e intuitivamente sabe que nunca mais terá seus sorrisos, sua orientação, suas palavras de incentivo, seu amor incondicional. Sim, será cuidado por seus avós com carinho e amor, mas nunca mais se sentirá enlevado os beijinhos de momy ou brincará estimulado pelo entusiasmo de daddy. E pagará esse preço por toda sua vida, por que? Para que? Em nome de quem?

Olhe bem para esse rostinho sofredor, grave a dor que Moshe carregará por toda sua vida, pois jamais a esquecerá. E Você também não esqueça jamais o ato covarde, inútil e imbecil realizado por essas bestas-fera a serviço do mal.

Uma das nossas características como povo é não permitir o esquecimento, e nunca dar a outra face.

Nenhum comentário: